Caros Viajantes,

variadas vezes publicamos preços de voos que definimos como error fares (tarifa erro, OTA glitch, entre outros). Podem encontrar as nossas publicações de Error Fares e outras oportunidades na nossa página de Facebook, Twitter ou Instagram. Neste post vamos explicar o que são e como procedemos quando reservamos um voo destes!

 

Error Fare (tarifa erro)

Uma tarifa erro designa um voo cujo preço é consideravelmente mais baixo que o valor normal e não está relacionado com nenhuma promoção. Existem diversos tipos de Error Fares e podem ocorrer em qualquer momento da cadeia de estipulação de um preço.

 

1 – Erros originados na própria companhia aérea

Neste caso, o preço erróneo é publicado em todos os canais que recorrem a dados lançados pela companhia, ou seja, o erro é depois passado para sistemas de distribuição global (GDS) e consequentemente para centenas de plataformas de reserva, aumentando assim a probabilidade de alguém o descobrir.

2 – Erros originados nos Sistemas de Distribuição Global (GDS)

Um GDS atua como intermediário entre os fornecedores do voo e as plataformas de reserva, ou seja, um erro gerado pelos GDS será encaminhado para todas as plataformas conectadas e portanto, maior a probabilidade de ser notado.

3 – Agências de Viagens ou Plataformas Online de Reserva

Quando apenas um local de reserva, por falha de codificação, colocou o preço de forma errada. Ainda que seja muitas vezes descoberto por alguém, a probabilidade de acontecer é menor.

4 – Falha Humana ou “Fat Fingers”

Ocorre quando o funcionário responsável por introduzir o preço no sistema digita de forma errada ou omite um zero na codificação.

5 – Erro de Conversão de Moeda

Muitas vezes, sobretudo em voos internacionais ou com escalas em diferentes países e que envolvem diversas companhias, é necessária a conversão da moeda em cada voo. Muitas vezes origina erros no preço final.

6 – Omissão de Componentes do Valor Final do Voo

O preço dos voos é compilado através da soma de várias taxas (combustível, país, aeroporto) para além do valor do próprio voo. O valor da soma destas taxas é muitas vezes superior ao do próprio bilhete. Às vezes os programas estão codificados de forma incorreta abolindo algumas destas taxas, descendo o preço do voo consideravelmente.

7 – Erros Propositados:

Existem rumores (e pela nossa experiência acreditamos ser verdade) que as próprias companhias aéreas anunciam error fares para um número de bilhetes limitado. E existem razões para isso.

  • Vender bilhetes cujo voo tem muitos lugares disponíveis.
  • MARKETING. Ao libertar uns bilhetes como error fare, os blogs e fóruns vão publicar aumentando a publicidade para a companhia aérea.
  • Search Engine Optimization (SEO). Quanto mais publicidade se faz a uma companhia aérea mais esta é pesquisada em motores de busca e portanto melhor a sua posição nos resultados de pesquisa, originando novos potenciais clientes que pagarão full price pelo bilhete.

 

ERROR FARES MAIS COMUNS

1 – Fuel Dump

Esta é uma das principais razões para acontecer um error fare. Fuel Dump significa que a taxa de combustível é omitida para o cálculo do valor final do bilhete. Tendo em conta que muitas vezes custa mais que o próprio o voo, quando acontece o preço desce drasticamente.

preço explicado.jpg

2 – OTA GLITCH

Quando existe um erro de codificação no sistema das agências de viagens online ou na GDS. Quanto mais complexo é um voo maior a probabilidade de acontecer, devido à diferente combinação de companhias que são propostas.

Sem Título.jpg

3 – Falha Humana

Acontece mais raramente a introdução errada de valores. Normalmente estes erros são corrigidos em muito pouco tempo (horas).

fat finger.jpg

 

 

APARECEU UM ERROR FARE E AGORA???

Querem mesmo ir??? Então MARQUEM LOGO. Vemos muitas vezes quando publicamos uma tarifa deste tipo comentários como: “depois vejo com atenção”, “tenho que falar com A, B ou C”, entre outros. AS ERROR FARES DURAM NORMALMENTE UM PAR DE HORAS. Ou marcam logo ou provavelmente já não terão a sorte de conseguir.

Caso tenham a sorte de marcar um error fare há uma série de coisas que ter em atenção. Quando marcamos uma tarifa destas, queremos viajar por este preço e ficamos tão entusiasmados que queremos ter a confirmação logo que está tudo ok para poder planificar o resto. E esse entusiasmo por vezes leva-nos a atuar de forma que só aumenta a probabilidade de nos cancelarem o voo. Não se esqueçam que o melhor nestas alturas é não gerar atenção sobre a nossa reserva. A pressa e a ansiedade podem mesmo ser nossos inimigos nestes casos. Deixamos aqui uma lista do que fazer e não fazer depois de reservar uma tarifa erro.

Em primeiro lugar, a pergunta que mais nos fazem. Marquei o voo e tenho os e-tickets, mesmo assim pode ser cancelado???? A resposta é aquela que ninguém gosta de ouvir: PODE!!! A qualquer altura podem cancelar o voo. Obviamente que quanto mais tempo passa menor a probabilidade de acontecer, mas tecnicamente até ao momento de embarque estão no seu direito.

 

Conselhos após marcar uma error fare!!!

 

1 – NÃO CONTACTAR A LINHA AÉREA EM NENHUMA CIRCUNSTÂNCIA

Esta é a primeira, a mais importante e a que mais pessoas falham em cumprir. Ao contactarem a companhia aérea para confirmar o vosso voo estão a dar-lhes motivos para acederem à vossa reserva e verem o que pagaram. Só desperta a atenção sobre vós e mais facilmente cancelam ao verem o preço pago.

2 – APENAS RESERVAR SE QUER MESMO IR

Outra das coisas que acontece com frequência é reservar sem ter a certeza se pode ou não ir, ou mesmo marcar para amigos sem ter a certeza dos dados. TENTAR ALTERAR DATAS E DADOS apenas desperta a atenção sobre vós e portanto arriscam ainda mais um cancelamento.

3 – PAGAR COM CARTÃO DE CRÉDITO

Pagar com cartão de crédito garante que recebem o valor de pagamento na hora e emitem os bilhetes mais rapidamente. É mais difícil cancelar quando os bilhetes já estão pagos e emitidos.

4 – AGUARDAR ANTES DE PROCEDER A RESERVA DE HÓTEIS OU VOOS DE LIGAÇÃO

Devem aguardar pelo menos 2 semanas (nós aconselhamos mais se possível). Quanto mais tempo passa menor a probabilidade do bilhete ser cancelado.

5 – RESERVAR HOTÉIS COM POSSIBILIDADE DE CANCELAMENTO GRATUITO

Quando marcaram um error fare cuja viagem é em menos de 1 mês aconselhamos a reservar hotéis com cancelamento gratuito e voos de ligação com essa possibilidade também (ainda que fique um bocadinho mais caro). Idealmente adiar as reservas para o mais próximo da viagem possível.

5 – VERIFICAR O STATUS DO VOO

Utilizar o CheckMyTrip pode ser uma ajuda fundamental para verificar o voo. Após 2 semanas (ou mais) verificar no site da companhia aérea o status do voo.

6 – FAZER CHECK-IN ONLINE

Apesar de nunca termos visto uma error fare ser cancelada no momento de embarque, aconselhamos a fazer o check-in online para desviar as atenções sobre vós.

7 – SE FOR CANCELADO DEVOLVEM O VALOR PAGO.

Não se preocupem, pois se o voo for cancelado, a totalidade do valor será devolvido. Às vezes pode demorar algum tempo, mas é devolvido.

 

QUANDO NÃO MARCAR ERROR FARES?

Uma tarifa erro honrada permite-nos viajar a um custo muito mais baixo que o normal. Há no entanto circunstâncias em que NÃO ACONSELHAMOS comprar uma error fare.

1 – Quando têm mesmo que estar naquele sítio naquela data.

Não nos podemos esquecer que estas tarifas podem ser canceladas, comprometendo assim as vossas viagens.

2 – Quando não têm a certeza se podem viajar ou dos dados dos passageiros.

Já referimos acima. Se tentarem alterar datas o bilhete é cancelado. Se não puderem ir e consoante a tarifa que adquiriram, podem perder uma parte do vosso dinheiro.

3 – Quando a diferença de preço entre a tarifa promocional e a error fare não é um valor muito elevado.

Quando a diferença de preço não é muito significativa para vocês, é preferível comprar a tarifa promocional pois não se correm riscos de cancelamento.

 

Relembrar, ao comprarem uma error fare não estão a fazer nada de errado ou ilegal. Se for honrada, é espetacular. Se não for, vão haver sempre outras oportunidades.

Boas Viagens Baratas!!!